sábado, 24 de novembro de 2012

PLANEJAMENTO PROEJA T4 - LÍNGUA PORTUGUESA

OBJETIVOS GERAIS:
Utilizar a língua materna para estruturar a experiência e explicar a realidade, desenvolvendo as quatro habilidades linguísticas (ler, escrever, falar e ouvir).


- Reconhecer e valorizar a linguagem de seu grupo social e as diferentes variedades do Português, procurando combater o preconceito linguístico.

OBJETIVOS ESPECÍFICO:
- Saber identificar e utilizar elementos organizacionais e estruturais de diferentes gêneros textuais,
- Identificar a função predominante de cada gênero, em situações específicas de interlocução, expressando-se adequadamente nas diversas situações discursivas (oral e escrita).
- Reconhecer gêneros que apresentam formas e recursos expressivos, presentes na Literatura Brasileira. 
- Identificar a relação entre preconceitos sociais e usos linguísticos, adequando seu  discurso aos diversos contextos de interação.
- Identificar, em textos de diferentes gêneros, as variedades linguísticas sociais, regionais e de registro  (situações de formalidade e coloquialidade).

CONTEÚDOS:
- Gêneros textuais variados (cotidiano e literários).
- (análise linguística)
- Estudo das classes gramaticais (substantivo,pronome, adjetivo,      advérbio e verbos regulares)
- Preconceito linguístico
- Linguagem verbal e não-verbal
- Variação regional e sociocultural  

METODOLOGIAS:
1) Leitura -  Articulação entre conhecimentos prévios e informações textuais que os explicitam, visando a desvelar possíveis ironias, opiniões e valores implícitos, bem como as intenções do autor.
2) Escrita -  Planejamento prévio , fazendo uso de procedimentos para a produção do texto (finalidade, especificidade do gênero (autobiografia), circulação, interlocutor.
3) Análise linguística - descrição de fenômenos linguísticos com os quais os alunos tenham operado durante a explicitação de conteúdos da leitura e da escrita. A título de exemplo, poderíamos inventariar elementos  de uma mesma classe:
 - Morfologia: derivação e flexão;
 - Papel funcional nas sentenças: sujeito, predicado, complemento etc;
 - Morfossintaxe: concordâncias regulares.

Nenhum comentário: